Que vivemos em tempos de um evangelho barato, de pouca entrega e muita cobrança, de pouco amor ao próximo e muito amor aos bens materiais, de muito individualismo e egocentrismo e pouco clamor pelas nações, já falei por diversas vezes e todos já sabem.

Mas o que muitos não sabem é como era o evangelho vivido por Cristo. O evangelho verdadeiro. Sem interesses, barganhas, “luta” por bençãos e sim luta por vidas e contra as aflições deste mundo. Afinal, quem busca o evangelho de Cristo e não quer aflições, escolheu o caminho errado. “E porque estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem.” Mt 7:14

Então você me diz: “É impossível viver como Cristo”. Apesar de que Ele se fez carne, e estava então ‘na mesma condição’ que a nossa, concordo que é muito difícil viver acima de qualquer suspeita. Mas se Cristo foi questionado e morto, quem somos nós para nos preocupar com isso? “Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo.” Jo 16:33

O evangelho de Cristo, lembrem-se disso, sempre se baseou em estar com pessoas PIORES do que Ele. Muitos “crentes” hoje têm a preocupação de andar sempre com pessoas de boa índole, preocupadas com sua imagem para com os outros “irmãos”. Sentem-se envergonhados de andarem com uma prostituta, um mendigo, ou até dentro de um bar. Imagem é tudo, não é, “irmão”? Quando a compaixão superar nosso egocentrismo, quem sabe iniciaremos um evangelho diferente. “Bem-aventurados os pobres de espírito, porque deles é o reino dos céus;” Mt 5:3

Outra coisa que é usada como argumento é: “Mas eu não sei o que dizer, não estou preparado!”. Se vocês soubessem quantas pessoas queriam ouvir somente um “boa tarde!”, quantas pessoas queriam apenas alguém para conversar, contar de sua vida. Antes de se anunciar como “crente”, disponha-se apenas a conversar. E a partir de então, dê espaço ao Espírito Santo trabalhar através de sua vida. Você conhece o remédio que cura toda ferida. Primeiro ouça o paciente contar sobre sua doença, e então, dê a receita a ele.

Outra caracteristica do evangelho de Cristo: Criar discípulos. Sim, talvez uma das mais importantes funções. Qual é o sentido, por exemplo, de uma célula, algo como uma igreja dentro de sua casa, se apenas “crentes” ou já convertidos a freqüenta? Criar discípulos é nada mais do que cumprir o ide de Cristo (Mc 16:15). Seus discípulos, quando já alimentados e prontos para seguir seu próprio caminho, partem eles atrás dos seus discípulos. Inclusive, como citado, acredito que a visão celular seja a maneira mais eficiênte de se cumprir esse ensinamento.

Espero ter passado brevemente o que Cristo viveu e ensinou. Para descobrir mais sobre seu evangelho, o verdadeiro, leiam os 4 evangelhos. Mateus, Marcos, Lucas e João resumem e definem o que Cristo fez em Terra. Vivam o que Cristo nos ensinou. Vivam o evangelho de Cristo!

Abs,

Rodrigo Gomes (Tato)

Anúncios

Sobre Rodrigo Gomes

Um apaixonado por Jesus e que quer, cada vez mais, tornar-se semelhante a Ele. Buscando um coração justo e sincero, e o amor ao próximo.

Uma resposta »

  1. Samuca disse:

    Olá, gostei muito de seus artigos, gostaria de te convidar para partipar de uma rede de troca de conteúdo, para mais detalhes me adiciona no msn co_herdeiro@hotmail.com ou me manda um email ok. Abraços. Samuel

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s