“E traziam-lhe meninos para que lhes tocasse, mas os discípulos repreendiam aos que lhos traziam. Jesus, porém, vendo isto, indignou-se, e disse-lhes: Deixai vir os meninos a mim, e não os impeçais; porque dos tais é o reino de Deus. Em verdade vos digo que qualquer que não receber o reino de Deus como menino, de maneira nenhuma entrará nele. E, tomando-os nos seus braços, e impondo-lhes as mãos, os abençoou” Mc 10:13-16

“Naquela mesma hora chegaram os discípulos ao pé de Jesus, dizendo: Quem é o maior no reino dos céus? E Jesus, chamando um menino, o pôs no meio deles, E disse: Em verdade vos digo que, se não vos converterdes e não vos fizerdes como meninos, de modo algum entrareis no reino dos céus.

Portanto, aquele que se tornar humilde como este menino, esse é o maior no reino dos céus. E qualquer que receber em meu nome um menino, tal como este, a mim me recebe. Mas, qualquer que escandalizar um destes pequeninos, que crêem em mim, melhor lhe fora que se lhe pendurasse ao pescoço uma mó de azenha, e se submergisse na profundeza do mar.” Mt 18:1-6

Confesso que relutei um pouco para falar sobre esse assunto. Enquanto lia a palavra, acabei por me deparar com esses dois trechos, logo, entendi como sendo o assunto perfeito a ser abordado hoje.

Nada mais puro, mais inocente, mais sincero do que uma criança. Criança não finge, criança não mente, criança não possui maldade. E é isso que Deus espera de nós: Sinceridade e pureza.

E como ser puro em dias como os nossos? Concordo, é muito difícil. Já temos a mente contaminada com coisas com que somos bombardeados dia-a-dia. Maldade, pornografia e tudo mais a um “click” de distância, ou de canal em canal na TV. Temos que ter os olhos e coração de criança para suportar tudo isso. Ter atitudes de criança.

Alegrar-se nas mínimas coisas. Ver virtude em todos a sua volta. Confiar incondicionalmente. Fazer de tudo para chamar a atenção de seus pais, mesmo que errando. Cumprir o que seus pais orientam. Correr para os braços de seus pais quando está com medo. Ver nos pais sua rocha, sua fortaleza, seu lugar seguro. Estar alegre, independentemente de sua situação.

E é isso que Jesus nos ensina. Pense nas situações que citei, e passe-as para o seu cotidiano. Quantas vezes murmuramos por situações da vida? Quantas vezes recorremos a pessoas ou lugares errados, quando deveriamos buscar ao nosso Pai? Quantas vezes esquecemos de ‘chamar a atenção’ do nosso Pai? Afinal, o que temos feito para ‘chamar Sua atenção’? Ou se chamamos, é pelo motivo certo?

E como um pai é para o seu filho, nosso Pai está SEMPRE ao nosso lado. Tanto nos momentos ruins, quanto nos momentos bons. Ele não esquece de você. Você é o grande amor da vida d’Ele. E qual o filho, ainda em crescimento, que consegue viver longe do pai? Muitas vezes é o que tentamos fazer. Deixamos nosso Pai de lado, e tentamos crescer, andar sozinho. E bem como uma criança em seus primeiros passos, caimos, pois somos dependentes d’Ele. E Ele está sempre lá, ao nosso lado, sendo a mão que nos levanta a cada vez que caimos.

E nunca vamos crescer o suficiente para deixar os braços do Pai. Pois, por mais que você cresça, se crescer demais, deixa de ser criança. E quando deixamos de ser criança, as quedas maiores vêm. E sobre aqueles que, por crescer demais, não agem como crianças, Jesus é categórico: “melhor lhe fora que se lhe pendurasse ao pescoço uma mó de azenha, e se submergisse na profundeza do mar.” (Mt 10:16b)

Sejamos como as crianças. Não peça para crescer, e sim para diminuir. Assim, Deus crescerá dentro de você e, cada vez mais, você se assemelhará a uma criança.

Abs,

Rodrigo Gomes (Tato)

Anúncios

Sobre Rodrigo Gomes

Um apaixonado por Jesus e que quer, cada vez mais, tornar-se semelhante a Ele. Buscando um coração justo e sincero, e o amor ao próximo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s