“E disse aos convidados uma parábola, reparando como escolhiam os primeiros assentos, dizendo-lhes: Quando por alguém fores convidado às bodas, não te assentes no primeiro lugar; não aconteça que esteja convidado outro mais digno do que tu; E, vindo o que te convidou a ti e a ele, te diga: Dá o lugar a este; e então, com vergonha, tenhas de tomar o derradeiro lugar.

Mas, quando fores convidado, vai, e assenta-te no derradeiro lugar, para que, quando vier o que te convidou, te diga: Amigo, sobe mais para cima. Então terás honra diante dos que estiverem contigo à mesa. Porquanto qualquer que a si mesmo se exaltar será humilhado, e aquele que a si mesmo se humilhar será exaltado.” Lc 14:7-11

Humilhar-se é preciso! Confesso que é com dificuldade que escrevo sobre esse assunto. Sei o quanto é difícil se humilhar, e entregar-se por completo a todo momento. Humilhar, no sentido humano, é uma afronta contra todo princípio de amor e honra própria. Não é fácil se humilhar em nenhum sentido.

Tomamos muitas vezes por princípio o de que “o Senhor te porá por cabeça e não por cauda” Dt 28:13-a. Mas no contexto dito no versículo, isso se cumprirá se O obedecerm0s. E um de seus ensinamentos é exatamente o de nos humilharmos. Nos humilharmos porque o Senhor está acima de nós e, perante Ele, é necessária humilhação. É necessário que nos dasfaçamos de nós mesmos, das nossas vontades, dos nossos instintos. Quem busca a honra não a encontra. Porém, quem busca HONRAR, este será honrado perante Deus.

E o mesmo deve ser feito quanto aos seus irmãos. Não busque ser o mais digno entre os homens. Este, segundo a parábola, sempre acabará cedendo o lugar a outro, e será humilhado. Entendo ser estes o que exaltam a si mesmo. Os que se anunciam como ‘profeta dos milagres’, ou algo do gênero, são os que buscam honra própria e querem tomar os mais importantes lugares. Estes, porém, serão humilhados, pois nada são, assim como eu e você, e cederão seu lugar a quem buscou servir e dar honra a quem era digno de HONRA.

“Mais bem-aventurada coisa é dar do que receber.” At 20:35-b. Esse versículo, mesmo que em contexto um pouco diferente, descreve bem o sentido do ensinamento. Pois mais bem-aventurado os que honram, do que os que buscam a honra. O único digno de honra é Aquele que está nos céus. Se não fosse por sua graça e misericórdia, nem aqui estariam os “honrados”. Guardem isso: SEMPRE procurem diminuir e servir. Nosso galardão não está aqui, e não somos dignos de NADA, nem mesmo da graça que nos é derramada.

Abs,

Rodrigo Gomes (Tato)

Anúncios

Sobre Rodrigo Gomes

Um apaixonado por Jesus e que quer, cada vez mais, tornar-se semelhante a Ele. Buscando um coração justo e sincero, e o amor ao próximo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s