Em uma de minhas muitas conversas com meu grande amigo e irmão, Rafael, discutiamos a possibilidade de entrar no projeto “Quem se Importa?”, que, a princípio, surgiu na nossa igreja. Porém, como poucos se importaram por lá, o projeto mudou de sede e hoje pertence a Igreja Presbiteriana de Osasco, ainda com laços com a Igreja Batista do Louvor. Trata-se de um projeto de auxilio social em vários aspectos, desde alimentação até cortes de cabelo, realizado no município de Osasco. Essa vontade mútua em participar, além do descaso de outros por esse projeto, me motivou a fazer esse post.

Muitos consideram ser um chamado, outros, acreditem, acham desnecessário. Para este que vos escreve, é o mais puro evangelho colocado em prática. Durante a conversa, pensavamos juntos: O que temos feito? Estamos, realmente cumprindo o nosso chamado? Ou chegamos a nossa zona de conforto, onde fincamos nossa cruz e deixamos de carregá-la? Chegamos a conclusão que essa última tem a resposta positiva.

Não estamos mais satisfeitos em apenas cumprir os chamados domingueiros, deixando o tempo passar e levar com ele oportunidades e pessoas que deixamos passar dia após dia. Afinal, com o que temos feito, quem se importa? Talvez nossos pastores, nossos líderes… Nós, não mais. Cansamos de ser o já citado “sal dentro do saleiro”. Cansamos de APENAS fazer o mesmo, para os mesmos, semana após semana, e nada mais. Jamais desprezando o que fizemos e fazemos, pois se o fazemos é para louvar e engrandecer o Pai, que nos dá graça a misericórdia, que são, atualmente, nossas únicas motivações e forças para fazê-lo.

Difícil decisão. Não pensem que deixar a zona de conforto será mais fácil para mim do que será para você. É natural do ser humano haver um comodismo quando ele se apresenta possível. Mas a alegria e diferença que podemos levar a essas pessoas nos motivam e, nesse exato momento, enchem meus olhos de lágrimas. Chega a ser egoísta conhecer as maravilhas que Deus pode fazer, e não anunciá-las dizendo não ter o chamado. Mas afinal, quem se importa? Tudo está muito bom na minha zona de conforto, e eu já carreguei demais a minha cruz. Não vale mais o sacrifício.

E assim caminhará a igreja atual, caso eu e você não tomemos a decisão correta. Continuaremos nos fartando de Deus aos domingos, dentro de 4 paredes, enquanto pessoas, todos os dias, passarão ao nosso lado e clamarão por ajuda, mas continuaremos não fazendo nada, porque nosso chamado só se cumpre no domingo a noite.

A decisão é sua! Continuar como está, confortável, vendo o tempo passar, ou buscar, resgatar, se importar, arriscar, mas fazer aquilo que TODOS são chamados a fazer. Quem se importa? Eu me importo. E você, se importa?

Abs,

Rodrigo Gomes (Tato)

Obs.: Se alguém deseja participar do projeto “Quem se Importa?”, procure o André Ferraz. Se não o conhece, contate-me (rogomes_14@hotmail.com), quem eu encaminharei para o André.

Anúncios

Sobre Rodrigo Gomes

Um apaixonado por Jesus e que quer, cada vez mais, tornar-se semelhante a Ele. Buscando um coração justo e sincero, e o amor ao próximo.

Uma resposta »

  1. “Ainda que a figueira não floresça,
    nem haja fruto nas vides;
    ainda que falhe o produto da oliveira,
    e os campos não produzam mantimento;
    ainda que o rebanho seja exterminado da malhada e nos currais não haja gado.
    Todavia eu me alegrarei no Senhor, exultarei no Deus da minha salvação.”

    Habacuque 3: 17e18

    Conheça a Livraria Papiros | Cristã igual a você – Grande diversidade de Bíblias e os melhores livros cristãos para toda sua família.

    Acesse: http://www.livrariapapiros.com.br

    Imperdível Programa de Afiliados Cristãos para seu Blog!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s