Redundante este tema não? A Graça de graça, porém este trem tão importante para a fé cristã, afinal eu considero o ponto mais importante, pois é onde está fundamentada toda a verdade do Evangelho e bem expresso pelos textos de João 3:16: “Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna.” e Romanos 5:8 “Mas Deus prova o seu amor para conosco, em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores.”.

Porém, muito má compreendida pela esmagadora maioria dos cristãos e entre eles eu estava incluído, até porque na minha antiga apostila não havia espaço para a graça de Deus e muito menos na minha mentalidade.

Vivendo sob a opressão do “evangelho da lei” o cristianismo no Brasil e no mundo vem perdendo a cara de evangelho e cada dia mais têm virado um manual de conduta e moral idolatrado pelos fundamentalistas do que um vivo caminho de aprendizado como um discípulo de Jesus. Manual de conduta que inclui vários mandamentos e regras como: orar, ler a Bíblia, ir a Igreja, dar o dízimo, entre outras, porque afinal, isso não é mais que a sua obrigação como cristão,e se você conhece algum irmão que não pratica esses preceitos, pode considerá-lo como um primo, porque de cristão ele não tem nada. Não estou aqui para falar de regras que a igreja cria,e baseando-se na bíblia para afirmá-las, mas para falar de um caminho vivo e verdadeiro de liberdade, paz e amor nos caminhos de Jesus. Essa graça que significa “favor imerecido”, esse presente imerecido de Deus para toda a humanidade, que é o Verbo encarnado, o Filho de Deus vindo ao mundo, Deus assumindo a forma humana e trabalhando juntamente com o Pai e o Espírito Santo para nos reconciliar consigo mesmo na cruz.

Agora pense comigo, se Deus deu a Lei, e na Bíblia diz que ninguém consegue cumpri-la e que o propósito não é ela fosse cumprida e sim colocar todos em um só lugar que deixa-nos dependentes do Amor de Deus.

Deus não abençoa o homem pela obediência aos preceitos descritos na cartilha, e sim porque Ama, se Deus me premiasse pela minha obediência, então não seria graça, seria um pagamento e o amor dEle estaria condicionado e Ele não poderia ser Deus de Amor. Mas não é com esse amor condicionado a obediência que Jesus nos revela o Pai, mas um Deus com um Amor INCONDICIONAL, que é bem exemplificado na parábola do Filho Pródigo que deveria ser chamada de parábola do Irmão mais velho pois foi pra correção dos religiosos que pensavam que Deus só amava e abençoava os obedientes, que estavam ali fazendo tudo certo, mas Jesus mostra que Deus ama e busca até o que comete o pior erro, pois o filho mais novo pegou a parte na herança antes do pai morrer o que demonstra despreso pelo pai, abandonou o pai saindo de casa, gastou o dinheiro com o que não prestava e por fim o filho voltou e foi novamente recebido pelo Pai com todo o amor e carinho que tinha antes, e em todo o capítulo 15, Jesus mostra que Deus ama e procura o perdido. Ou seja, a graça vem pra acabar com essa história: “A chave para a vitória é a obediência”, não discordo totalmente dessa frase, mas dizer que Deus só me da vitória se eu for piedoso, ler a Bíblia, orar, ir a Igreja, jejuar, profetizar a vitória, fazer votos, é acabar com a Graça, é tirar o amor de Deus e fazer Deus fazer o que eu quero que Ele faça porque eu tenho créditos com Ele. Usando a frase de um amigo meu: “A Graça só é graça se ela for pura”, se ela for misturada a algum tipo de coisa que eu devo fazer para alcançar aquilo que eu quero já cai na passagem de Gálatas 5:9: “Um pouco de fermento leveda toda a massa.” Se misturar alguma coisa na graça a graça se transforma e já não pode ser chamado de graça.

Não estou dizendo que não precisa ler a Bíblia, orar, dizimar, ir aos cultos, mas estou dizendo que se essas práticas não forem movidas por amor e sim por uma regra, um mandamento de nada valem (1 Co 13), não há importância entre fazer ou não.

Novamente concluo com dois textos, um deles usado no meu primeiro post:

Efésios 2:8-9: “Pois vocês são salvos pela graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus; não por obras, para que ninguém se glorie.”

2 Coríntios 5:14: “Pois o amor de Cristo nos constrange”

Deus nos ama independente daquilo que fazemos, Ele é bom!

Sola Gratia meus irmãos! Sola Gratia!

Abraços cambada,

Ronaldo Junior!

Anúncios

Sobre Rodrigo Gomes

Um apaixonado por Jesus e que quer, cada vez mais, tornar-se semelhante a Ele. Buscando um coração justo e sincero, e o amor ao próximo.

»

  1. Olha a “cria” do Rui! rs
    Ótimo texto irmãozinho.

  2. “Ainda que a figueira não floresça,
    nem haja fruto nas vides;
    ainda que falhe o produto da oliveira,
    e os campos não produzam mantimento;
    ainda que o rebanho seja exterminado da malhada e nos currais não haja gado.
    Todavia eu me alegrarei no Senhor, exultarei no Deus da minha salvação.”

    Habacuque 3: 17e18

    Conheça a Livraria Papiros | Cristã igual a você – Grande diversidade deBíblias e os melhores livros cristãos para toda sua família.

    Acesse: http://www.livrariapapiros.com.br

    Imperdível Programa de Afiliados Cristãos para seu Blog!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s